Inscrições para o Festival de Inverno da UFMG já estão abertas

tags

A ocupação do Campus Pampulha pelos participantes do 46º Festival de Inverno da UFMG começa um pouco antes do início do Festival para quatro grupos de trabalho especiais. Se você se interessa por sistema de bicicletas compartilhadas, construções em bambu, arquitetura colaborativa e bioconstrução, pode fazer sua inscrição de 20 a 30 de junho. A participação nos Grupos de Trabalho é gratuita.

Para se inscrever, acesse aqui.

Conheça cada um desses GT’s que vão preparar o território para o evento que acontecerá de 18 a 26 de julho.

GT: BICICLETAS COMPARTILHADAS

Ementa: Este grupo implementará um sistema de bicicletas compartilhadas no Campus da Pampulha durante o Festival, ensinando a consertar bicicletas descartadas, desenhando mapas e ciclovias e construindo bicicletários.

Coordenação: NoveCatorze, BH em Ciclo, Bike Anjo, Atelier Bicicine e cicloativistas de BH

Vagas: 40 pessoas
Público: Estudantes e todos os interessados
Período: 14 a 26 de julho
Horário: 14h às 18h (e em outros horários, de acordo com escala definida pelo grupo).
Inscrições: De 20 a 30 de junho.

2.1 Oficina de conserto das bicicletas doadas

Coordenação: NoveCatorze, BH em Ciclo, Bike Anjo, Atelier Bicicine e cicloativistas de BH

Período: 14 a 16 de julho
Horário: 16h às 20h
Local: Espaço Comum Luiz Estrela (Rua Manaus, 348 – Santa Efigênia/BH)

2.2 Construção de Bicicletários no Campus

Coordenação: NoveCatorze, BH em Ciclo, Bike Anjo, Atelier Bicicine e cicloativistas de BH

Período: 17 e 18 de julho
Horário: 14h às 18h
Local: Espaço Comum Luiz Estrela (Rua Manaus, 348 – Santa Efigênia/BH)

2.3 Sistema de gestão do compartilhamento das bicicletas no Campus e construção de mapas e ciclovias

Coordenação: NoveCatorze, BH em Ciclo, Bike Anjo, Atelier Bicicine e cicloativistas de BH

Período: 18 a 26 de julho
Horário: 10h às 22h30
Local: Campus Pampulha – UFMG

GT: MALOCAS E CONSTRUÇÕES EM BAMBU

Ementa: Estudará construções com tecnologias alternativas, especialmente o bambu, como material de baixo impacto ambiental. Ensinará a coletar, tratar e construir com bambu. Edificará uma tenda geodésica que será instalada no Bosque da Música da UFMG para sediar os Encontros Transdisciplinares do Festival, deixando para o Campus esse legado.

Coordenação: Maria Cecília Alves. Arquiteta formada pela UFMG, com uma longa experiência na construção em bambu na Bambuzeria Cruzeiro do Sul.
Assistentes: Patrícia Cioffi e Ronilson Alves (Tolé)

Vagas: 12
Público: Estudantes e todos os interessados.
Período: 30 de junho a 20 de julho
Horário: 14h às 18h (e em outros horários, de acordo com escala definida pelo grupo).
Inscrições: De 20 a 30 de junho.

GT: ESPACIALIDADES DO FESTIVAL

Ementa: Este grupo cuidará da disposição espacial dos eventos, das intervenções e das atividades do Festival. Por meio de ações colaborativas e da invenção conjunta de soluções adequadas aos espaços peculiares do campus, o grupo desenhará a cenografia de palcos, tablados, espaços de projeção de filmes, performances e de realização de banquetes públicos.

Coordenação: Adriano Matos Correa. É arquiteto, com Mestrado em Letras pela UFMG (2001) e professor da Escola de Arquitetura e Urbanismo da UFMG, onde realiza seu doutorado. Desenvolve experiências na área de Arquitetura, Urbanismo, Design, Espaços Cenográficos, Ativismo e Ocupações Urbanas, Investigações Pedagógicas e desenvolvimento de Tecnologias Construtivas.

Vagas: 20
Público: Estudantes e todos os interessados.
Inscrições: De 20 a 30 de junho.

GT: PRÁTICAS DE BIOCONSTRUÇÃO

Ementa: Orientado por uma perspectiva socioambiental e pela adoção de técnicas que reduzem o uso de materiais e energia, o grupo propõe, por meio de ações colaborativas, a construção de pias e banheiros ecológicos que serão utilizados durante a realização do evento.

Coordenação: Cocoletivo. Composto por Ângela Guerra, Kenny Mendes, Sara Borém Sfredo, Silvia Herval, Talita Lessa, Clarisse Marinho, Igor Daniel de Aguiar Borges, o Cocoletivo surgiu de vivências no Núcleo de Infracultura do Espaço Comum Luiz Estrela. O grupo desenvolve pesquisas e práticas no campo da permacultura e bio-ativismo.

Vagas: 15
Público: Estudantes e todos os interessados.
Período: 7 a 26 de julho
Horário: 14h às 18h (eventualmente haverá encontros pela manhã)
Inscrições: De 20 a 30 de junho.

OBS: O período de funcionamento do GT será de 07 a 26 de julho (eventualmente haverá encontros pela manhã).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s